Bolsonaro cogita desistir de disputar reeleição caso não seja adotado voto impresso

0 9

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a criticar o modelo de votação eletrônica no país e insinuou que pode desistir da candidatura à reeleição em 2022, caso não tenha o modelo de voto impresso. A declaração foi feita nesta segunda-feira (19), a apoiadores, em frente ao Palácio da Alvorada. 

“Eleição sem voto auditável não é eleição, é fraude”. Bolsonaro disse ainda que os votos das urnas eletrônicas serão auditados dentro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), “de forma secreta” e “pelas mesmas pessoas que liberaram o Lula [ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva] e o tornaram elegível”.  “Olha, eu entrego a faixa para qualquer um, se eu disputar eleição…”, deixou no ar Bolsonaro. “Agora, participar dessa eleição com essa urna eletrônica…”, completou, insinuando que pode não participar. 

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, todos as fases da votação são auditáveis e podem ser acompanhadas por integrantes dos partidos políticos do país. O retorno do voto impresso foi testado em 2002 e descartado por várias falhas no processo. 

Com informações do Correio do Povo

Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais