Eleições OAB-BA: advogados reclamam de falta de debate entre candidatos

0 27

A chapa “OAB de Coração”, composta por Ana Patrícia e Carlos Tourinho, única que tem se mostrado aberta ao debate sobre o futuro da categoria, teve o comitê vandalizado

Inúmeros advogados baianos têm questionado a falta de debate e o pouco diálogo entre os candidatos à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil-Seção Bahia (OAB-BA) para o triênio 2022-2024, como meio de apresentar propostas e suas respectivas visões e objetivos para o futuro da categoria.

Até o momento, a única chapa que tem buscado o diálogo e tem se mostrado aberta para o debate com os outros candidatos é a “OAB de Coração”, composta pelos advogados Ana Patrícia Dantas Leão e Carlos Tourinho. Porém, as outras chapas não têm atendido às solicitações.

De acordo com levantamento realizado entre os dias 7 e 10 de setembro e 8 e 10 de outubro de 2021, Ana Patrícia e Carlos Tourinho lideram a intenção de votos para a presidência da Ordem. Na sequência, aparecem Dinailton Oliveira, com 1,73%, e Ricardo Nogueira, com 1,49%. Os demais inscritos não passam de 1% das intenções. Indecisos somaram 35,40% e nenhum 15,10%.

As pesquisas foram registradas na Comissão Eleitoral da OAB-BA. A pesquisa de setembro tem margem de erro 4,8%. Enquanto a de outubro é 4,6%.  As pesquisas estão registradas na Comissão Eleitoral da OAB/BA sob o número 37579/2021. 

Vandalismo

Vale ressaltar que o comitê principal da campanha dos advogados Ana Patrícia e Carlos Tourinho, no Rio Vermelho, em Salvador, foi vandalizado na madrugada da última segunda-feira (1).

Banners com as imagens dos candidatos sofreram pichação. A imagem mais prejudicada foi a de Ana Patrícia, primeira mulher candidata à presidência da OAB-B, o que denota forte teor machista no crime cometido. “Querem calar a nossa voz, querem nos desmoralizar, mas não abaixaremos a cabeça”, postou no Instagram Ana Patrícia.

“Esse é mais um ato misógino e do incômodo com a mulher no papel de liderança. Mas não vamos nos deixar abater por essa violência e discriminação e vamos continuar lutando por uma OAB mais inclusiva e representativa”, completou Ana Patrícia, sobre o ocorrido.

A chapa “OAB de Coração” lamentou mais essa violência, mas reafirmou seu compromisso com uma campanha limpa, saudável e que debata os rumos da advocacia. “Certa de que os ataques não representam a verdadeira essência do colega advogado, a chapa ‘OAB de Coração’ seguirá focada nos interesses da classe, mas sem se esquivar de injustiças e falsas acusações”, postou a candidata nas redes sociais.

Data marcada

Marcadas para o próximo dia 24 de novembro, com início às 9h e encerramento às 17h, as eleições, além de escolher uma nova presidência, também elegerão os membros do Conselho Seccional e de sua Diretoria, os Conselheiros Federais, da Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados e das Diretorias das Subseções.

Vale ressaltar que Ana Patrícia Dantas Leão se formou em Direito na UFBA foi a primeira vice-presidente da história da OAB-BA.

Confira a foto do comitê da chapa “OAB de Coração” vandalizado:

Fonte: Varela Net

Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais