- Advertisement -

Hospital Aristides Maltez adia cirurgias por falta de médicos anestesistas

0 19

A informação foi confirmada pelo próprio hospital, nesta quinta-feira (16)

O Hospital Aristides Maltez, em Salvador, nesta quinta-feira (16), confirmou que rescindiu o contrato com uma cooperativa de anestesiologistas, resultando na redução do quadro de médicos na unidade. Esta confirmação veio em resposta às reclamações dos pacientes sobre a falta de especialistas e o adiamento de cirurgias no hospital.

A administração do HAM também declarou que está trabalhando para normalizar a situação, já tendo contratado novos anestesistas, e que 70% dos procedimentos cirúrgicos programados foram concluídos. Em abril, o hospital registrou 465 cirurgias.

Por outro lado, houve relatos de pacientes sobre a escassez de materiais básicos para o atendimento hospitalar, no entanto, a assessoria do hospital negou essas acusações.

O hospital especificou que a cooperativa envolvida no contrato rescindido é a GAZA, mas não foram encontradas informações de contato sobre ela. A Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas da Bahia (Coopanest), quando contatada, explicou que sua atuação se limita à saúde suplementar em clínicas e hospitais privados há alguns anos, não tendo qualquer relação com hospitais públicos como o HAM. A Coopanest expressou preocupação com a situação.

Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais